Minha Mulher

Quando a noite a tudo estiver encobrindo, com seu negrume e mistério. Quando meus olhos cansados estiverem se fechando para sempre, deixando de ver a beleza do crepúsculo.

Quando minha voz estiver tão fraca, que seu nome seja somente um lamento… Quando minhas pernas enfraquecidas não puderem mais sustentar-me, arcando com o peso dos anos…

Quando um grito próximo for para meus ouvidos, como um balido triste que vem do longe; quando minhas mãos enfraquecidas não conseguirem mais sentir as suas… No momento em que meus cabelos estiverem ganhando a tonalidade do algodão e minha pele estiver flácida…

Quando todos, de mim estiverem esquecidos, pouco se importando com minha sorte; quando as crianças estiverem docemente me chamando de vovô, pelas ruas da cidade, quero ainda ter você perto de mim.

O meu amor é tão grande e profundo, que nos derradeiros instantes dessa minha vida, quero repartir contigo, as coisas boas que a volta à infância irá me proporcionar. Quero ainda poder olhar você e relembrar o tempo ido, que nos viu jovens e enamorados, no dia em que resolvemos seguir juntos pela vida.

Quando tudo que fizemos for tão somente saudade, será bom tê-la ao meu lado, para juntos, unidos, recordarmos o que passou. Se recordar é viver, será imensamente bom tê-la comigo, vivendo das recordações e amando-nos, nos momentos em que o adeus final estiver próximo.

Quando sentir sua mão, apertando a minha, já sem aquela energia de antes, e olhando-a nos olhos, ver no oceano de suas pupilas a minha imagem refletida, sentirei que um dia soube escolher quem me acompanhasse na vida, tropeçando, caindo e erguendo-se comigo. Será infinitamente maior o amor que lhe darei, quando o negro véu da morte estiver pairando sobre meu leito, que todas as lágrimas que derramou por mim nesta vida.

Partirei sim, mas levando comigo sua imagem bela e bondosa, terna e amiga, de esposa, mãe, amante, minha mulher. E é por tudo isto que sempre quero ter você perto de mim.

Antenor Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *