Londrina pretende 100% de esgoto tratado

Do alto, o grande receptor circular em construção pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) chama atenção. Ele é peça-chave na ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Norte, em Londrina, na Região Norte do Paraná. Quando estiver funcionando a capacidade plena, em agosto de 2021, o local será gatilho rumo à universalização do tratamento de esgoto no município.

Atualmente Londrina já tem uma situação privilegiada: são 100% dos domicílios com água tratada e 94% atendidos com rede coletora de esgoto, com tratamento total do volume coletado. A ambição é chegar a toda população até 2029. É aí que entra a ETE Norte.

“A determinação é investir fortemente em saneamento para que mais cidades paranaenses sejam reconhecidas pela qualidade deste serviço”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior. “Quem ganha são as pessoas, com mais saúde e qualidade de vida, e o meio ambiente” , enfatiza.

“São mais de R$ 284 milhões em investimentos na região em esgotamento sanitário, em busca da universalização do atendimento em Londrina e região. É algo que vai beneficiar muito a população”, complementa o gerente-geral da Sanepar na região, Rafael Malaguido.

COMPLEMENTA – Gerente de projetos e obras para a Região Norte, Luiz Nacayama destaca que a Estação de Tratamento de Esgoto Norte vai também elevar a vazão média de água de 425 litros por segundo para 554 litros por segundo.

Segundo ele, a obra complementa outra importante ação da Sanepar na cidade, a Estação de Tratamento de Esgoto Sul, cuja capacidade de vazão média saltará de 491 litros por segundo para 545 litros por segundo. O investimento nos dois complexos é de R$ 60 milhões.

“Londrina cresceu e surgiram bairros novos que hoje não contam com rede de esgoto. Por isso a ampliação das duas estações é importante. Sem contar que, com as estações, aumentaremos também a eficiência no tratamento do esgoto”, explica Nacayama.

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, ressalta a importância do trabalho em conjunto com a companhia de saneamento. “A empresa tem todo o nosso respeito. E o nosso objetivo é trabalhar cada vez mais em parceria. Há grandes obras previstas tanto no atendimento com rede de esgoto quanto em outros processos”, diz.

AEN

Antenor Ribeiro – Destak News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *