Ex-presidente Collor teria recebido propina

Na operação Lava Jato o nome do ex-presidente Fernando Collor de Mello já foi citado pelo doleiro Alberto Youssef. Porém, como se trata de parlamentar com foro privilegiado, nenhuma denúncia foi formalizada até o momento. Mas o que se especulou a princípio, dando conta de uma entrega em dinheiro no valor de R$ 50 mil ao ex-presidente em um endereço de São Paulo, não é nada comparado ao que está sendo revelado agora.

De acordo com matéria do jornal O Globo, o atual senador do PTB teria recebido R$ 3 milhões em propina oriunda de uma negociação nebulosa envolvendo uma rede de postos de combustíveis e a BR-Distribuidora, subsidiária da Petrobras. Collor, segundo a matéria, teria indicado diretamente um dos diretores envolvidos no “malfeito”. O PTB teria também indicado um dirigente da BR, envolvido igualmente na negociação em que o percentual de 1% seria destinado ao ex-presidente e seu partido.

Com a proximidade do encaminhamento de denúncia dos detentores de mandato ao Supremo Tribunal Federal, cresce a expectativa com relação aos nomes de todos os envolvidos.

Antenor Ribeiro – Destaknews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *