Cristina Kirchner tem câncer

Presidenta da Argentina tem câncer

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, foi diagnosticada com um câncer na tireoide e deverá se operar no dia 4 de janeiro, segundo informação do porta-voz da Presidência, Alfredo Scoccimarro.

A Casa Rosada acrescentou que o carcinoma maligno será retirado durante a operação e que a presidente não apresenta metástase (situação em que o câncer se espalha por mais órgãos), estando restrito à tireoide.

O comunicado do governo argentino diz que Cristina se submeteu a exames de rotina no dia 22 de dezembro, quando “se detectou um carcinoma papilar no lóbulo direito da glândula tireoide”.

Segundo o jornal argentino “Clarín”, a presidente será submetida à cirurgia no hospital Austral de Pilar e para o procedimento ficará de licença até o dia 24 de janeiro. O vice, Amado Boudou, ficará no poder durante o período.

Ainda de acordo com o “Clarín”, este é o tipo de câncer mais comum a atingir a tireoide, e ocorre com mais frequência em mulheres do que em homens, com taxa de sobrevivência superior a 95%.

Reeleita em outubro com 53,07% dos votos, para mais um mandato de quatro anos, Cristina assumiu o poder após a morte do marido, Néstor Kirchner, que sofreu um ataque cardíaco aos 60 anos no fim de 2010.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *