Brasil bate Honduras no sufoco

A Seleção do Brasil passou sufoco contra Honduras, mas conseguiu a virada e a classificação para a próxima fase das Olimpíadas. Jogando fácil desde o início, os comandados de Mano Menezes,no entanto,não traduziram em gols a superioridade técnica e a maior posse de bola. Oportunidades foram criadas e desperdiçadas.

Honduras apostava no contra-ataque. E foi em lance pela direita de seu ataque, onde um zagueiro brasileiro levou uma finta, que tudo começou. O gol mostrou que Rafael, goleiro do Santos que foi cortado por contusão no cotovelo, faz falta à Seleção. O novo titular, que substituiu Neto, foi mal na bola e a abertura do placar teve aplausos dos ingleses presentes ao estádio.

O Brasil continuou jogando seu futebol, porém, sem chegar à igualdade da maneira fácil que se imaginava. Honduras marcava forte e até de forma desleal, levando alguns jogadores a serem admoestados pelo apitador e outros a serem advertidos com cartão amarelo. Leandro Damião, que perdera oportunidades, fez o gol de empate. E com a igualdade os times foram para os vestiários, deixando para o torcedor brasileiro a esperança de que as c oisas pudessem ser melhores no segundo tempo.

No recomeço do jogo veio um susto novamente para o Brasil, pois mesmo jogando com um jogador a menos, em virtude da expulsão de Crisanto, por entrada em Neymar, Honduras chegava ao segundo gol. E aí vinha a lembrança de que esta seleção despachou a Espanha, reconhecidamente uma força no futebol mundial.

Foi em pênalti cometido sobre Leandro Damião que a Seleção chegou à nova igualdade no marcador, com cobrança de Neymar, que foi vaiado pelos ingleses durante boa parte do jogo, supostamente por entenderem que o jogador brasileiro simulava algumas faltas e teria provocado a expulsão do hondurenho.

Com 2 x 2 no placar a Seleção brasileira voltou ao seu jogo habitual, com maior posse de bola e a paciência para tentar finalizar apenas na bola boa, em desespero. E  a vantagem veio novamente com jogadora em que prevaleceu o oportunismo do atacante do Inter, Leandro Damião. Foi dele o gol da vitória.

Os ingleses ficaram decepcionados com o resultado, pois flagrantemente estavam torcendo por Honduras e contra o Brasil e seu principal jogador. Mas a tristeza maior ainda estava reservada para o resultado do jogo da seleção da Rainha com a Coréia. Perderam nos pênaltis e estão fora das Olimpíadas. O Brasil segue e pega a Coréia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *