Suspeito de matar o pai é preso

Ricardo Antonio Novaes Carmona, de 42 anos, é suspeito de matar o pai, Oswaldo Carmona, 78 anos, empresário encontrado morto pela mulher, caído no chão do apartamento da família, à noite, no último sábado.

A família morava em um bairro nobre da zona sul de São Paulo. A PM informou que foi acionada por volta da 01:20 de domingo e encontrou a vítima com marcas de perfuração pelo corpo e uma faca sobre o sofá. Carmona era sócio de pelo menos dez empresas que atuam com comércio de produtos como madeira, vidro e ferragens na região do Brás, em São Paulo e tinha atuação também na área de administração de imóveis. Algumas das empresas contavam com a participação, em sociedade, da mulher e de um filho.

O caso está registrado no 14º DP como homicídio e será investigado pelo 15º DP, responsável pela área  onde ocorreu o crime.

A prisão do filho do empresário, suspeito de ter cometido o parricídio, aconteceu em uma batida do trânsito, quando desobedeceu uma ordem para parar. Ele tentou fugir e foi abordado. Na ação, de acordo com a PM, Ricardo teria confirmado ser autor do crime contra o pai. E já na delegacia afirmou ter problemas psiquiátricos.

Antenor Ribeiro – Destaknews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *