Santos pega o Barcelona buscando o Tri

Muricy quer o Santos ousado contra o Barcelona

2 vezes campeão mundial contra adversários qualificados, porém na década de 60, com Pelé comandando um time recheado de craques, o Santos tenta repetir a façanha, jogando no Japão. E vai com Neymar e um time bem treinado por Muricy Ramalho, com vários jogadores da Seleção do Brasil.

O adversário é considerado o melhor time do mundo na atualidade. A A Espanha é a atual campeã do Mundo e a badalação em cima do Barcelona se deve também à presença em seu elenco de Lionel Messi, o argentino considerado hoje o melhor jogador do mundo. Guardiola, o treinador, é citado entre os 3 melhores do mundo.

Estes são ingredientes que fazem supor uma grande partida no domingo, oito horas da manhã no horário brasileiro de verão. O Santos não sabe jogar se defendendo. Há quem diga que a melhor defesa é o ataque. E a ordem de Muricy é não abrir mão do ataque, testando também a defesa do Barcelona, onde Mascherano, Puyol e Piqué são expoentes. Mas não enfrentaram ainda Neymar, Borges, Ganso e Cia.

A Globo transmite o jogo em TV aberta, após  o papelão da última quarta-feira, quando fez a transmissão apenas para São Paulo. No Brasil a torcida santista aguarda, esperançosa, por mais uma estrela para o distintivo do Santos. As demais torcidas,na maioria, têm simpatia pelo time neste momento em que representa o Brasil no Mundial de Clubes. Há, porém, parte da torcida que torce contra, por não querer o time da Vila com mais um título mundial.

O confronto também colocará frente à frente Messi e Neymar. As comparações são constantes, pois a revelação santista é citada como o possível melhor do Mundo, o que para muitos já seria realidade, se estivesse jogando na Europa. Neymar, no entanto, renovou seu contrato com o Santos e, a exemplo de Pelé, declara seu amor ao time e quer ficar para disputar a Copa do Mundo jogando pelo Santos.

É esperar para ver quem tem mais futebol. O Santos é totalmente brasileiro. O Barcelona tem em seu elenco além de Mascherano e Messi, argentinos, brasileiros como Daniel Alves, Adriano e outros jogadores de diferentes países.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *