Marinha diz que vazamento na Bacia de Campos diminuiu

A Marinha informou nesta terça-feira, por meio de nota, que houve nova diminuição do vazamento de óleo, no Campo de Frade, na Bacia de Campos, litoral norte do Rio de Janeiro. Em um sobrevoo realizado ontem (21), com o helicóptero da Marinha, técnicos do Ibama estimaram que a mancha esteja com 6 quilômetros (km) de extensão e cerca 2 km2 de área.

Os técnicos avaliaram ainda que a mancha de óleo está se afastando a da costa brasileira. No dia 18, a mancha ocupava uma área de aproximadamente 12 km2.

Ainda de acordo com a Marinha, são realizados sobrevoos regulares em aeronaves, levando técnicos do Ibama e da Agência Nacional do Petróleo (ANP), para acompanhamento da situação. Equipes da ANP e da Marinha permanecem embarcadas na plataforma e no navio responsável pelas filmagens submarinas. Um navio patrulha continua na área acompanhando as ações em andamento e os trabalhos da cimentação definitiva do poço estão em andamento.

O vazamento aconteceu no dia 7 de novembro, durante a perfuração de um poço pela petroleira Chevron, responsável pela produção de petróleo no Campo de Frade. As causas do acidente ainda estão sendo investigadas pela Polícia Federal.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *