Justiça condena ex-policiais civis

Policiais civis são condenados por crime de corrupção e perdem o cargo

Como resultado de investigação e denúncia oferecida pelo Núcleo de Curitiba do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), o Juízo da 1.ª Vara Criminal de Colombo (Região Metropolitana de Curitiba) condenou o ex-superintendente da Delegacia do Alto Maracanã a três anos e seis meses de reclusão, pela prática do crime de corrupção. Pelo mesmo crime, outros dois policiais civis também receberam a pena de três anos de reclusão. A decisão, que determinou ainda a perda de cargo dos três requeridos, foi proferida na última quarta-feira (12 de novembro.

O então superintendente da Delegacia do Alto Maracanã foi preso por agentes do Gaeco no dia 24 de abril de 2014, em flagrante, logo após ter recebido propina de um comerciante da região. De acordo com a denúncia, o superintendente e outros dois policiais civis daquela mesma delegacia vinham solicitando a entrega de vantagem indevida (pagamentos em dinheiro) por parte do comerciante, ao longo de um mês. Em troca, os policiais prometiam prestar um serviço especial de segurança pública para a vítima. A decisão é de primeira instância e ainda cabe recurso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *