Dono de restaurante que explodiu deporá na segunda

Rio: dono de restaurante onde houve explosão de gás deve prestar depoimento à polícia na segunda-feira

O dono do Restaurante Filé Carioca, Carlos Rogério do Amaral, deve prestar depoimento à polícia na segunda-feira (17). Ele já desmarcou o depoimento por duas vezes.

O Restaurante Filé Carioca explodiu na última quarta-feira (13), na Praça Tiradentes, no centro do Rio, matando três pessoas e deixando 17 feridas. Na noite de ontem (15), policiais encontraram seis cilindros de gás no local.

De acordo com o delegado assistente da 5ª Delegacia de Polícia, Antônio Bonfim, que investiga o caso, os cilindros tinham 45 quilos cada e um deles estava vazando. “Encontraram uma mangueira atada com fita isolante em um clique de botijão, que pode ter sido a causa da explosão”. O delegado informou que os cilindros deveriam ser removidos do local no domingo.

O restaurante, ao contrário do que se informou anteriormente, tinha alvará da Prefeitura, que era renovado periódicamente. Com isso, a presença dos botijões de gás encontra respaldo, pois não se tem notícia de restaurante daquele tamanho que utilize fogão a lenha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *