Delação de Palocci entrega o PT

Delação de ex-ministro Antonio Palocci é uma pá de cal sobre o Partido dos Trabalhadores e suas principais lideranças

Lula sabia de tudo e Dilma Roussef também. É o que se deduz da delação premiada que teve parte do depoimento de Palocci liberada para conhecimento público. O documento é extenso e traz narrativa de Antonio Palocci, com conhecimento de causa, contando minúcias de tratativas feitas em gabinetes para que o Partido dos Trabalhadores e seus aliados, como PMDB e PP fossem contemplados com cargos e ministérios para darem sustentação ao governo de Lula e posteriormente de Dilma Rousseff.O ex-prefeito de Ribeirão Preto, que foi ministro nos dois governos petistas, não poupa ninguém. Já condenado e com novas acusações que certamente redundarão em outras sentenças, Palocci mostrou caminhos percorridos por lideranças políticas e também empresários das principais construtoras do país no mar de lama que envolveu os governos Lula e Dilma.

O ex-presidente Lula, já condenado e cumprindo pena, tinha o hábito, segundo Palocci, de fazer uma representação de repreensão à corrupção, dependendo da platéia que o assistia, jogando também para a mídia, mas era quem encaminhava as principais tratativas para manutenção do Poder pelo Partido dos Trabalhadores. Era como se testasse os interlocutores, na visão de Palocci.

O ex-homem forte de Lula e Dilma fala abertamente sobre a arrecadação de recursos para campanhas e deixa claro que a maior parte dos recursos teve e tem origem ilícita.

Antenor Ribeiro – Destaknews

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *