Brasil vence China no Tie-break

Atuando com praticamente toda equipe formada por reservas (dos titulares, somente Murilo e o líbero Serginho começaram a partida), o Brasil teve trabalho para derrotar a China, no tie-break, por 3 a 2 (23/25, 25/10, 25/18, 19/25 e 15/8), na manhã desta sexta-feira, em Kumamoto. A vitória apertada fez a seleção perder a liderança da Copa do Mundo, que foi ocupada pela Rússia, no critério de desempate. A intenção de Bernardinho foi a de dar ritmo de jogo aos reservas pouco utilizados até o momento e poupar os principais valores para a sequência da competição.

– Nós precisávamos mexer em função das questões físicas e necessidade de descanso para alguns jogadores, além da impossibilidade de escalação do Leandro Vissotto, que teve um mal estar ontem à noite. Em momento algum isso foi por soberba – explicou o técnico Bernardinho.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *